Kit para detecção de sete drogas: AMP + COC + MET + MOR + THC + XTC + BZD
Assure Tech
Product ID: 13
01 Kit para teste de sete substâncias: AMP + COC + MET + MOR + THC + XTC + BZD com coletor de urina.

01 Kit para teste de sete substâncias: AMP + COC + MET + MOR + THC + XTC + BZD com coletor de urina.

Marca: Assure Tech


Não disponível
Ver as instruções de uso em DESCRIÇÃO GERAL - PASSO A PASSO.

Kit para testes de sete (7) drogas: AMP (Anfetamina) - COC (Cocaína/Crack) - MET (Metanfetamina) - OPI (Opiáceos) - THC (Maconha/Haxixe) - BZD (Benzodiazepínicos) - XTC (Ecstasy)

EXAMES TOXICOLÓGICOS PARA DETECÇÃO DE DROGAS DE ABUSO PELA URINA / APLICAÇÃO DO TESTE  MULT 7 DROGAS

O Kit-Mult 7 de Abuso Teste de urina é um imunoensaio qualitativo e rápido para triagem de abuso de drogas.
Contém 01 teste para
AMP + COC + MET + MOR + THC + XTC + BZD  e 01 coletor de urina com fita de leitura da temperatura da urina (Antiadulterante).

Medidas de segurança para coleta de urina:

Tomar todos os cuidados para que não seja adicionado nenhum produto ou mesmo a água de torneira ou do vaso sanitário no coletor de urina. O dispositivo de temperatura que vem aderido ao copo coletor serve para verificar que a cor verde apareça entre 32°C e 38°C, evitando que se utilize urina de terceiros. Algumas gotas de produtos ácidos ou químicos não deve alterar muito a temperatura da urina mas, pode alterar o resultado. Observe muito bem para que nada seja adicionado ao copo coletor, além da urina.

Sexo feminino: não é necessário fazer higienização íntima e nem eliminar o primeiro jato, preferencialmente não estar menstruada, se estiver, colocar tampão vaginal no ato da coleta. Não fazer uso de cremes ou óvulos vaginais 24 horas antes da coleta;
Sexo masculinonão é necessário fazer higienização íntima e nem eliminar o primeiro jato.

SUMÁRIO:
Anfetamina (AMP)
As anfetaminassão uma classe deagentes simpaticomiméticos potentes com aplicações terapêuticas.Elassãoquimicamente relacionadas com as catecolaminas naturais do corpo humano: epinefrina e nor epinefrina. Em doses elevadas,a um aumento daestimulação do sistemanervoso centrale induzemeuforia,estado de alerta,diminuição do ape tite, e uma sensação deaumento de energiae poder.Respostas cardiovascularesem anfetaminasincluem o aumento dapressão arteriale arritmias cardíacas.Consequências mais graves produzemansiedade,paranoia, alucinações e comportamento psicótico. Osefeitosdas anfetaminasduram de 2- 4horasapós a utilização, e a drogatem uma meia-vida de4 - 24 horasno corpo. Cerca de 30% dasanfetaminas sãoexcretadasna urinanaforma não alterada, comorestante na forma dederivadoshidroxiladosedesaminados.

Benzodiazepínicos (BZD)
Os benzodiazepínicos, incluindo alprazolam, diazepam, lorazepam, triazolam,
clordiazepoxido, flurazepam e temazepam são sedativos, hipnóticos e ansiolíticos
comumente utilizados como tranquilizantes. A maioria dos benzodiazepínicos são
extensivamente metabolizados no fígado e excretados na urina como metabolitos.
Benzodiazepínicos possuem baixo potencial para dependência física ou
psicologica. No entanto, como com outras drogas estimulantes do sistema nervoso
central, eles podem induzir sonolência e relaxamento muscular. O abuso crônico de
benzodiazepínicos pode resultar em intoxicação, similar ao comportamento de um
embriagado. Overdose e uso prolongado de benzodiazepínicos podem levar ao
coma e até mesmo a morte. Benzodiazepínicos podem permanecer eficazes de 4 a
8 horas. Os membros da família dos benzodiazepínicos são absorvidos por vias
diferentes e seus efeitos podem variar com a via de absorção. Eles são excretados
na urina primeiramente como composto principal ou como metabolito inativo (ex.
Oxazepam glucuronídeo) que são detectaveis por um ou dois dias.

Cocaína-Crack (COC)
Derivado das folhasda plantada coca, cocaínaéumpotenteestimulante do sistemanervoso centraleanestésico local. Os efeitos físicose psicológicosdo uso da cocaínaincluem aumento dafreqüência cardíaca, febre, dilatação das pupilas, sudorese, euforia eaumento de ener gia. Biologicamente, a c ocaína é rapidamente metabolizadaabenzoilecgonina. A meia-vida debenzoilecgonina(5 a 8 horas) é muito maiordo que odocomposto de origemda cocaína(0,5a 1,5 horas). Benzoilecgoninapodeserdetectadana urina em até 3dias apóso uso de cocaína.

Benzodiazepínicos (BZD)

Os Benzodiazepínicos são frequentemente prescritos para o tratamento sintomático de ansiedade e desordens do sono. Os efeitos produzidos por eles são via receptores específicos envolvendo um neuroquímico chamado ácido gama aminobutírico (GABA). Por ser mais seguro e mais efetivo, Benzodiazepínicos tem substituído os Barbitúricos no tratamento da ansiedade e insônia. Os benzodiazepínicos também são utilizados como sedativos antes de algumas cirurgias e procedimentos médicos, e para o tratamento de distúrbios convulsivos e abstinência de álcool.  O risco de dependência física aumenta se os benzodiazepínicos forem utilizados regularmente (ex: diariamente) por mais que poucos meses, especialmente em doses maiores que o normal. Parar de utilizar abruptamente pode levar a vários sintomas como problemas para dormir, desconforto gastrointestinal, mal-estar, perda de apetite, sudorese, tremedeira, fraqueza, ansiedade e mudança na percepção. Apenas um traço (menos que 1%) da maioria dos benzodiazepínicos são excretados na forma inalterada na urina; a maior parte da concentração na urina é a droga conjugada. O período de detecção para os benzodiazepínicos na urina é de 3 a 7 dias.

Maconha (THC)
Os tetrahidrocanabinóis (THC,  9-THC,  1-THC) são os principais constituintes
mais ativos e os principais metabolitos dos canabinóides como maconha e haxixe.
Os canabinóides têm sido utilizados como agentes depressores do sistema nervoso
central. Overdose e uso prolongado de canabinóides pode levar ao abuso de
substâncias, o que pode causar danos graves e / ou permanentes para o sistema
nervoso humano. A detecção de THC na urina humana é amplamente utilizada para
avaliar o abuso de canabinóides.

Metanfetamina (MET)
A metanfetamina é uma droga estimulante viciante que ativa fortemente determinado sistema no cérebro. A metanfetamina é quimicamente relacionada com a anfetamina, mas o efeito no sistema nervoso central causado pelas metanfetaminas são maiores. As metanfetaminas são produzidas em laboratórios ilegais e possuem alto potencial para abuso e dependência. A droga pode ser ingerida oralmente, injetada ou inalada. Altas doses agudas levam ao aumento da estimulação do sistema nervoso central e induz euforia, estado de alerta, dedução de apetite, e sensação de aumento de energia e poder . Respostas cardiovasculares das metanfetaminas incluem aumento da pressão sanguínea e arritmia cardíaca. Respostas mais aguda produzem ansiedade, paranoia, alucinação, comportamento psicótico, e eventualmente, depressão e exaustão.  O efeito da metanfetamina geralmente dura de 2 a 4 horas, e a droga possui meia vida de 9-24 horas no organismo. A metanfetamina é excretada na urina primeiramente como anfetamina e oxidado e determinados derivados. Entretanto, 10-20% de metanfetamina é excretado na forma inalterada. Assim, a presença de compostos relacionados na urina indica o uso de metanfetamina. A metanfetamina é geralmente detectada na urina de 3-5 dias, dependendo do nível do pH urinário.

Morfina/Opiáceos (MOR/OPI)
Analgésico opióide abrange um amplo grupo de substâncias, que controlam a dor através da depressão do sistema nervoso central. Alta dose de morfina pode produzir nível de tolerância maior e dependência psicológica nos usuários, e pode l evar a abus o da substância. A Morfina é o pr incipal produto metabolito da codeína e da heroína.  A morfina é detectável na urina por vários dias após uma dose.

Ecstasy - MDMA (XTC)
A metilenodioximetanfetamina (Ecstasy) foi primeiramente sintetizada em 1914por uma companhia Alemã de medicamentos para o t ratamento da obes idade. Aqueles que ut ilizam a droga frequentemente relatam efeitos adversos como aumento da tensão muscular e sudorese. MDMA não é claramente um estimulante, mesmo ele tendo, em comum com as anfetaminas, uma capacidade de aumentar a pressão sanguínea e o fluxo arterial. MDMA produz alguma alteração perceptual na forma de aumento da sensibilidade a luz, dificuldade em se concentrar e visão borrada em alguns usuários. Seu mecanismo de ação é através da via de liberação do neurotransmissor serotonina. MDMA pode também liberar dopamina, mesmo que a opi nião geral é que e sse é um efeito secundário da droga (Nichols and Oberlender, 1990). O efeito mais comum da MDMA ocorre praticamente em quase todas as pessoas que tomaram a droga em doses razoáveis, é o apertamento das mandíbulas.

Recomendação:

O teste deve estar à temperatura ambiente (15°C a 38°C) antes da realização do teste. Retirar o teste da embalagem somente no momento em que for aplicar o mesmo.

Todas as instruções de uso estão no arquivo PASSO A PASSO / BULA, que segue junto ao seu pedido.

Dúvidas: Ligue para (11) 4806-0444 ou +55 11 999494414 WhatsApp

01 Kit Mult 7 drogas + 01 coletor de urina.

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características


    Confira também